Fábio pega pênalti e salva o Cruzeiro de mais um fracasso

Goleiro Fábio pega o pênalti e evita a derrota do Cruzeiro — Foto: Cris Mattos/O Tempo

Fábio pega pênalti e salva o Cruzeiro de mais um fracasso

Raposa volta a apresentar futebol ruim, fica no 0 a 0 contra o Tombense pelo Mineiro e deixa a torcida ainda mais preocupada com o futuro na Série B. Goleiro Fábio pega o pênalti e evita a derrota do Cruzeiro .

O início de partida do Cruzeiro contra o Tombense deu a impressão de que a paralisação de dez dias do Campeonato Mineiro havia surtido algum efeito positivo ao time celeste. Embora ainda muito distante do ponto ideal, a equipe atuou parte da primeira etapa de forma ligeiramente mais leve e dinâmica.

Com o resultado, o time estrelado está em sexto lugar, com oito pontos, e a equipe de Tombos é a oitava colocada, com seis.  Amanhã, a Raposa treina à tarde e, após a atividade, viaja a Varginha para o jogo contra o Boa, domingo, às 11h, no estádio Municipal. No mesmo dia, o Tombense recebe o Athletic, às 16h, no Almeidão.

No ataque, Bruno José e Rafael Sóbis foram acionados e compuseram o trio com Felipe Augusto. A exemplo do setor de criação, a parte ofensiva pouco trabalho deu à defesa do Tombense e ao goleiro Felipe. No primeiro tempo, o camisa 1 fez apenas uma intervenção importante, num chute cruzado de Felipe Augusto.

Felipe Conceição voltou à segunda etapa com mudanças. Logo de início, colocou Airton na vaga de Felipe Augusto. Na sequência, acionou Claudinho e Thiago, nos lugares de Marcinho e Rafael Sóbis, respectivamente. Depois, foi a vez de Willian Pottker substituir Bruno José.

As alterações não foram capazes de melhorar o futebol da Raposa. Pelo contrário, quem cresceu na partida foi o Tombense, passando a ameaçar o gol de Fábio. Destaque para o talentoso meia Everton Galdino, que dificultou a vida dos marcadores.

CRUZEIRO 0 X 0 TOMBENSE
MOTIVO: 6ª rodada do Campeonato Mineiro
LOCAL: Mineirão, em Belo Horizonte
CARTÕES AMARELOS: Alan Ruschel (Cruzeiro); Everton Galdino e Alipio (Tombense)
CARTÃO VERMELHO: Alan Ruschel
ARBITRAGEM: Felipe Fernandes de Lima, auxiliado por Frederico Soares Vilarinho e Magno Arantes Lira

CRUZEIRO: Fábio; Raúl Cáceres, Manoel, Ramon e Alan Ruschel; Adriano, Matheus Barbosa (Kaiki) e Marcinho (Claudinho); Bruno José, Rafael Sóbis (Thiago) e Felipe Augusto (Airton). Técnico: Felipe Conceição

TOMBENSE: Felipe Garcia; David, Wesley, Matheus Lopes e João Paulo; Rodrigo, Pablo (Daniel Amorim), Paulinho Dias, Everton Galdinho (Marquinhos) e Matheus Paquetá (Jhemerson); Rodrigo Carioca (Alipio). Técnico: Bruno Pivetti