Minas GeraisPolíciasem categoria
Tendência

Casa do prefeito de São João do Manteninha foi atacada por bandidos encapuzados

Havia cinco pessoas na casa durante o assalto, entre elas o prefeito. Criminosos fugiram levando dinheiro, objetos pessoais e dois carros; um dos veículos foi recuperado.

A casa do prefeito de São João do Manteninha (MG) foi invadida e assaltada na noite da última segunda-feira (20) em Vargem Grande, distrito do município. Segundo a Polícia Militar, cinco pessoas estavam na residência durante o assalto, entre elas o prefeito Gentil Mendonça (PSB).

O amigo da família Simon Rodrigues contou que dois criminosos armados e encapuzados renderam o filho do prefeito, um homem de 41 anos, quando ele guardava o carro na garagem, por volta de 21h. Os bandidos entraram na residência colocando uma arma na cabeça do filho.

Além do prefeito e do filho, na casa também estava a esposa e dois netos adolescentes de Gentil Mendonça. Os cinco tiveram dinheiro e objetos pessoais como cordões, anéis e relógios retirados à força. Em seguida, a família foi trancada em um banheiro.

A ação durou menos de meia hora. Apesar de terem entrado dois criminosos na casa, a polícia acredita que até seis pessoas possam ter participado da ação. Os bandidos fugiram levando ainda dois carros da família, um dos veículos foi abandonado no município de Central de Minas porque acabou o combustível.

O prefeito Gentil Mendonça conversou com o G1 e disse que nunca havia acontecido algo semelhante com a família dele, nem mesmo na região.

“Minha esposa e minha neta estão mais abaladas, mas vão ficar bem. Soubemos manter a calma, mesmo eles nos ameaçando, e graças a Deus não aconteceu nada pior. Levaram algumas joias que tinham valor sentimental, como um cordão do meu filho, mas isso é o de menos. O importante é que estamos bem”, afirmou.

Mais tranquilo na noite desta quarta-feira(22), o prefeito falou à reportagem do Jornal Capital dos Vales sobre o episódio. Segundo  Mendonça a sua casa foi invadida por dois bandidos encapuzados, sendo que um ficou de lado de fora e não foi identificado por estarem sob a mira de armas. Informou ainda que confia no trabalho da polícia na elucidação dos fatos e recuperação do que foi roubado.

A polícia faz buscas pelos criminosos, mas até a publicação desta reportagem ninguém foi preso.

Com informações do portal G!

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar