Bolsonaro será levado a SP para novos exames e eventual cirurgia

Presidente Jair Messias Bolsonaro

Bolsonaro será levado a SP para novos exames e eventual cirurgia

A Secretaria de Comunicação da Presidência informou na tarde desta quarta-feira (14/7) que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) está com uma obstrução intestinal e será transferido para São Paulo.

Em nota, o Planalto afirmou que o diagnóstico foi feito pelo cirurgião Antônio Luiz Macedo. Em SP, Bolsonaro fará exames complementares para definição da necessidade, ou não, de uma cirurgia de emergência.

Na madrugada desta quarta, Bolsonaro deu entrada no Hospital das Forças Armadas (HFA), em Brasília, após sentir dores abdominais.

Na semana passada, Bolsonaro disse foi submetido a um procedimento odontológico em 3 de julho e tem apresentado soluços desde então.

Ainda pela manhã, o Planalto informou que o presidente iria fazer exames para descobrir a causa dos soluços. Ele deve ficar em observação entre 24 e 48 horas, não necessariamente no hospital.

Até as 15h desta quarta, o Metrópoles confirmou que os ministros Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), Marcelo Queiroga (Saúde) e Paulo Guedes (Economia) visitaram o presidente.

Mais sobre o assunto

Bolsonaro passa por exames para investigar soluços

Bolsonaro pode passar por cirurgia para tirar parte do intestino

Às 11h, Bolsonaro participaria de encontro entre os presidentes dos poderes Judiciário, Executivo e Legislativo. Após dar entrada no hospital, no entanto, a reunião, que ocorreria na sede do Supremo Tribunal Federal (STF), foi cancelada.

No período da tarde, às 15h, também no Planalto, o chefe do Executivo se encontraria com o senador Roberto Rocha (PSDB-MA) e o deputado Lucas Vergílio (Solidariedade-GO).

Leia a íntegra da nota
Após exames realizados no HFA em Brasília, o Dr. Macedo, médico responsável pelas cirurgias no abdômen do Presidente da República, decorrentes do atentado a faca ocorrido em 2018, constatou uma obstrução intestinal e resolveu levá-lo para São Paulo onde fará exames complementares para definição da necessidade, ou não, de uma cirurgia de emergência.